Gás de cozinha fica mais caro em Pernambuco a partir de 1º de setembro



Preço do botijão de 13 quilos terá reajuste de até 12%, segundo sindicato dos revendedores
O pernambucanos vão pagar mais caro pelo gás de cozinha a partir da próxima terça-feira. O botijão de 13 quilos do gás liquefeito de petróleo (GLP) terá reajuste de até 12%. Com o aumento, o botijão passará a custar, em média, R$ 49,90 no Estado, podendo chegar a R$ 61,60. Será o segundo reajuste de 2015. O primeiro, de 12%, aconteceu em março.
De acordo com Francine Gulde, presidente do Sindicato dos Revendedores de Gás Liquefeito de Petróleo de Pernambuco (Sinregás-PE ), os revendedores estão repassando o aumento de custos das distribuidoras de GLP para os pontos de revenda. “As distribuidoras alegam que a inflação subiu, teve aumento de energia e dos combustíveis, e o dissídio coletivo da categoria em setembro, além dos encargos na folha”, explica.
Em nota, o Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liqüefeito de Petróleo (Sindigás) informou que os preços do gás são livres em todos os elos da cadeia.

COMPARTILHE NO GOOGLE+

About Barreiros Esta é a Cidade

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário