Pane volta a afetar sistema de telecomunicações de Maragogi

    Correntistas aguardam atendimento em agência bancária de Maragogi (Foto: Severino Carvalho)

Uma pane afetou, na manhã desta quinta-feira (7), o sistema de telecomunicações de Maragogi, no Litoral Norte de Alagoas. O problema é recorrente. Telefones fixos e celulares, além da transmissão de dados via banda larga foram afetados.
A pane tirou do ar os sistemas das agências do Banco do Brasil (BB) e do Bradesco, além de correspondentes bancários. Correntistas se aglomeravam dentro e no entorno das unidades, à espera de atendimento.
“Eu vim fazer um saque e já faz tempo que estou esperando. O pior é que nem trouxe o dinheiro da passagem de volta”, lamentava a dona de casa Ivanilda Maria dos Santos, 48 anos.
O sistema do BB voltou a operar às 10h10. Até as 10h30, entretanto, a agência do Bradesco permanecia inativa. As unidades da Caixa Econômica Federal (CEF) e do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) não foram afetadas e operam normalmente. A GazetaWebMaragogi manteve contato com a Oi e aguarda um posicionamento da operadora sobre as causas da pane.
Recorrentes
Em nota recente, a empresa relatou que casos recorrentes de rompimentos de fibra ótica – causados por terceiros – têm afetado a rede da Oi e prejudicado a prestação de serviços para clientes da operadora em Alagoas, afetando, em ocasiões específicas, Maragogi.
De acordo com a operadora, os impactos são causados tanto por retroescavadeiras usadas em obras públicas e particulares, geralmente ao longo de rodovias, além de vandalismo e até queimadas na beira das estradas.
Em 2015, foram registrados, em Alagoas, 32 casos de rompimento de cabos da Oi causados por obras sob responsabilidade de terceiros e outros 25 casos por vandalismo, prejudicando a prestação de serviços da companhia aos clientes. Em todos os casos, a Oi aciona os responsáveis pelas obras e atua em caráter emergencial para reparar os serviços.
A companhia informa que também tem investido na criação de novas equipes de manutenção, que auxiliam no monitoramento e reparo dos danos à sua rede causados por vandalismo. A Oi atua em parceria com os órgãos de segurança pública, fornecendo informações que possam auxiliar as investigações, relatou.
Os rompimentos de fibra, assim como vandalismo causam prejuízos à empresa e à sociedade como um todo, já que os danos podem afetar o contato da população com serviços públicos essenciais, como hospitais, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar.
COMPARTILHE NO GOOGLE+

About Barreiros Esta é a Cidade

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário