Sem-teto recebe prazo para desocupar área pacificamente em Maragogi

De acordo com o tenente PM Manoel Brandão, a área pertence aos Arraes, tradicional família de políticos pernambucanos.

   Barracos foram erguidos em área do Corre Água, no distrito de Barra Grande (Foto: Carlos Rosa/GA)

Militares do Centro de Gerenciamento de Crises, Direitos Humanos e Polícia Comunitária (CGCDHPC) deram prazo até a próxima sexta-feira (13) para que 15 famílias sem-teto desocupem uma área na localidade conhecida como “Corre Água”, no distrito de Barra Grande, em Maragogi, Litoral Norte de Alagoas. O imóvel foi ocupado no dia 3 e encontra-se sob a bandeira do Movimento Luta pela Terra (MLT)
De acordo com o tenente PM Manoel Brandão, a área pertence aos Arraes, tradicional família de políticos pernambucanos. Segundo o oficial, os proprietários pediram auxílio ao CGCDHPC para convencer os ocupantes a deixarem o imóvel de forma pacífica, sem a necessidade de uma ação de reintegração de posse.
Em conversa com os sem-teto, na manhã desta segunda-feira (9), Brandão explicou a situação aos ocupantes e pediu para que deixem o terreno até a próxima sexta-feira (13). Mas, de acordo com ele, dificilmente as famílias deixarão o imóvel sem que os proprietários ingressem na Justiça com uma ação de reintegração de posse.
André Silvestre Alexandre se identificou como um dos líderes do Movimento no local. Ele explicou que as famílias acampadas são todas de Maragogi e que decidiram ocupar a área porque não possuem uma casa para morar.
“Muitos moravam em casa alugada, mas você sabe que tem muita gente desempregada e sem condições mais de pagar aluguel”, argumentou Silvestre. Mais famílias devem se instalar  na área nos próximos dias.

GW
COMPARTILHE NO GOOGLE+

About Barreiros Esta é a Cidade

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário