Pernambuco reduz número de casos de arboviroses



Em comparação com o ano passado, Pernambuco apresentou redução no número de casos de arboviroses, vírus transmitidos essencialmente por animais como os mosquitos, segundo boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) nesta terça-feira (25). A dengue, por exemplo, apresentou uma queda de 96,3% nos casos suspeitos. Os dados correspondem ao período entre 1º de janeiro a 24 de abril.

Em 2017, foram notificados 3.690 casos de dengue em 136 municípios, dos quais 808 foram confirmados e 981, descartados. Em 2016, foram 100.130 casos suspeitos. Também caiu o número de ocorrências de Chikungunya. Em 2017, foram 1.233 notificações, em 89 localidades, sendo 277 confirmadas e 417 descartadas. Em 2016, foram notificados 48.900 casos da doença.

A SES não repassou o número de casos confirmados de Zika, mas este ano foram notificados 202, sendo 34 descartados, em 42 municípios. Em 2016, foram notificados 9.861 casos, uma redução de 98%. Dengue, Chikungunya e Zika são doenças transmitidas pelo mesmo mosquito, o Aedes aegypti. O número de mortes por arboviroses não foi confirmado, mas, dos 15 notificados, um foi descartado. No ano passado, foram 292 óbitos suspeitos.

LIRAa –  A SES também anunciou o índice de infestação predial apontado pelo Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa), realizado nos quatro primeiros meses deste ano. Oitenta e um municípios estão em situação de risco de surto, 72 em situação de alerta e 30 em situação satisfatória. Apenas Tracunhaém, na Zona da Mata, não informou a situação.

Folha PE
COMPARTILHE NO GOOGLE+

About Barreiros Esta é a Cidade

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário