Chuva provoca destruição, fecha acessos e deixa Amaraji sem água e serviço médico

Segundo a prefeitura, cerca de 30 famílias foram atingidas. Apac registrou 143 milímetros de precipitação em 24 horas e a média de fevereiro é de 76 milímetros.


A chuva provocou destruição em Amaraji, na Zona da Mata Sul de Pernambuco, distante 96 quilômetros do Recife. Segundo prefeitura, imóveis foram atingidos, acessos por rodovias estaduais ficaram interrompidos, uma ponte caiu, unidades de saúde estão sem condições de fazer atendimentos e a cidade encontra-se sem abastecimento de água.

De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima, em Amaraji, choveu 143 milímetros em 24 horas, até as 8h desta segunda-feira (4). A média histórica de fevereiro é de 76 milímetros. As precipitações mais intensas foram registradas na manhã e tarde de domingo (3), mesmo dia em que a agência emitiu um alerta de chuvas moderadas e ocasionalmente fortes.

A prefeitura do município, que tem 23 mil habitantes, contabilizou 30 famílias, que somam cerca de 100 pessoas, prejudicadas. “É o caos. Muito triste mesmo. Essas pessoas perderam o pouco que tinham. Móveis, animais pequenos e colchões”, resumiu a vice-prefeita da cidade, Bernadete Brito (PSB).

A Coordenadoria de Defesa Civil de Pernambuco (Codecipe) e a Defesa Civil de Barreiros, cidade próxima também na Zona da Mata Sul, enviaram equipes para auxiliar os trabalhos em Amaraji.


Fonte: G1

COMPARTILHE NO GOOGLE+

About Barreiros Esta é a Cidade

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário